Rua Itália, 878 - Erechim, RS

SANTA MÔNICA

No Dia Mundial da Hipertensão, 17 de maio, chama-se a atenção da população para a importância de hábitos saudáveis como forma de prevenção e controle da pressão alta, como a doença é popularmente conhecida. O consumo excessivo de sal, o tabagismo e, somado a isso, o consumo de álcool e o sedentarismo são fatores de risco associados à hipertensão, que atinge um a cada quatro brasileiros adultos.

Por dia, 829 pessoas morrem por complicações da hipertensão. São mais de 300 mil óbitos por ano, de acordo com os dados preliminares do Sistema de Informações de Mortalidade (SIM), do Ministério da Saúde. A alimentação inadequada, com o consumo excessivo de sódio (o principal componente do sal), aumenta o risco de hipertensão.
Diagnóstico
Mas o que fazer quando a pessoa apresenta esses sintomas? Procurar uma Unidade de Atendimento em Saúde. Além da medicação como tratamento, a pessoa receberá orientação sobre a questão nutricional, como relação ao uso do sal para uma dieta saudável, sobre as fontes de sódio e também outras práticas saudáveis que interferem para tratar a hipertensão.
Tratamento
Para reduzir as chances de esses problemas acontecerem é necessário que os níveis de pressão sejam normalizados através da melhora dos hábitos de vida e/ou com o uso de medicamentos. Nos pacientes hipertensos leves, o controle do peso corporal, a alimentação saudável e balanceada, a prática de atividade física moderada (por exemplo, caminhadas rápidas de 30 min, 5x na semana) e a diminuição do consumo de bebidas alcoólicas podem ser o suficiente para controlar os níveis tensionais.
É fundamental para o controle da hipertensão arterial, seguir as orientações de seu médico, fazer controle periódico, tomar os medicamentos orientados regularmente, e não abandonar seu tratamento.
– Refeições equilibradas (verduras. legumes. grãos e azeites), consumir menos gordura animal, açúcar, refrigerantes e doces, evitar o uso de enlatados e conservas, carnes embutidas, defumados, frituras, creme de leite, maionese, são um bom modo de adquirir hábitos saudáveis que auxiliam no controle da pressão arterial.
– É sempre bom dar sabor aos alimentos com iguarias, ervas ou sucos de frutas. Manjericão, canela, cominho, curry, mostarda seca, alho, cebola, páprica ou pimenta são boas possibilidades de deixar a alimentação saborosa e saudável.
– Evitar a ingestão de bebidas alcoólicas. Elas contribuem para o aumento da pressão e para o aumento de peso. Habituar-se à prática regular de atividade física aeróbica, como caminhadas por pelo menos, 30 minutos por dia, 3 vezes/semana, pode auxiliar na prevenção e no tratamento da hipertensão.
– Parar de fumar contribui para uma vida saudável e diminui o risco cardiovascular.
Evitar o estresse, se divertir, ter tempo para sua familia e para você, fazem parte do tratamento, melhorando sua qualidade de vida e auxiliando no controle da pressão.

 

Bibliografia consultada:
1. Sociedade Brasileira de Hipertensão (SBH). São Paulo. [acesso em 15 Set 2015]. Disponível em: http://www.sbh.org.br/geral/oque-e-hipertensao.asp
2. Sociedade Brasileira de Cardiologia. VI Diretrizes Brasileiras de Hipertensão. Arq Bras Cardiol 2010; 95(1 supl.1): 1-51.